terça-feira, 26 de março de 2013

DE AMOR (e de nós dois!)


Então, como comecei a contar pra vocês aqui... enquanto eu estava na Austrália, a Vida se encarregou de fazer planos maravilhosos pra mim! E, logo após o meu retorno ao Brasil, confiante que eu estava no meu Inglês, aceitei o convite para ir àquele encontro, no qual encontraria o grande amor da minha Vida - meu companheiro, meu amigo, meu maridão! Segue abaixo a minha cândida tentativa de relatar pra vocês como foi...


Eu tinha uma festa pra ir naquela noite e eu me lembro do que eu disse ao meu amigo: “Vou ver o que acontece.” O que aconteceu foi que eu encontrei um rapaz todo charmoso, que estava de férias no Rio de Janeiro! Depois daquela noite, nós voltamos a nos encontrar, novamente em um grupo de amigos, e conversamos mais um pouco. Em seguida, ele pediu meu telefone! Nós tivemos nosso primeiro encontro à sós e logo após... ele teria de ir embora.

Uma semana perfeita, foi aquela! Eu realmente acreditei que ele estava sendo sincero em tudo o que disse, mas pensei que a distância colocaria um ponto final na nossa história. Nós estávamos na Praia do Arpoador, uma noite, e ele me perguntou: “Se eu morasse aqui, você seria minha namorada?” Seria. Claro! Mas já que não era o caso... na minha cabeça, tudo o que poderíamos fazer seria guardar aqueles momentos maravilhosos na lembrança pra sempre. Eu estava me sentindo extremamente feliz com o fato de nós termos tido aquela oportunidade - de nós termos nos permitido ter aquela experiência e viver aquele “conto de fadas”, do nosso jeito. Mas, de novo, eu achei que a distância…

Ele teve de ir embora. Nós nos despedimos e foi um momento muito triste. Eu dei pra ele uma foto minha (acima) e um CD – pra ele guardar, como uma recordação daqueles dias lindos! Ele me disse que iria entrar em contato assim que pudesse, mas eu estava convencida de que ele retornaria à vida dele nos EUA e seria forçado a esquecer de mim.

Sendo que, a Vida tinha um plano melhor pra nós dois!

Ele entrou em contato comigo logo que possível, por e-mail. Eu respondi e continuamos trocando e-mails, por um ano e meio. (Tenho todos eles!) Ele também me ligava - todas as noites. Eu fui visitá-lo. Ele voltou pra conhecer minha família. Eu tomei a decisão de me mudar definitivamente para os EUA, nós nos casamos e aqui estamos, onze anos depois!


Nós arriscamos. Apostamos um no outro. Acreditamos que era possível. Que tudo era possível - pra sempre, inclusive!

Seguimos o nosso coração e deixamos que ele nos guiasse pra onde quer que a Vida nos levasse. Aprendemos muito, juntos, e utilizamos o que a gente não sabia a nosso favor. Pra nos fortalecer, nos fazer crescer. Mudanças, desafios, perguntas… pra nos fazer melhor.

“Obrigada por ser o meu parceiro nesta nossa linda jornada! Nós fomos abençoados, desde o início. Nós tivemos sorte e nos empenhamos em fazer o melhor acontecer pra nós dois. Eu te amo!”


---

Este post faz parte da Blogagem Coletiva de Imagens do blog da Flávia Lino,
com o tema Amor. Para ver as imagens dos demais participantes, por favor, clique aqui.



10 comentários:

  1. Que linda história de amor. Ele vence mesmo todas as barreiras.

    Adorei vc guardar todos os e-mail, muito fofo!

    Obrigada por participar!

    Beijo grande...

    Flávia

    http://euameivctbmpode.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Que lindo, prova que o amor verdadeiro superar barreiras mesmo.
    Bj

    ResponderExcluir
  3. Que história linda essa sua. Toda a felicidade para vcs! Amei.
    Beijos
    Adriana

    ResponderExcluir
  4. Olá, querida
    Que Deus abençoe a sua união e que vc siga para amar e servir!!!
    Uma linda, santa e abençoada Semana pra VC!!!
    Bjm de paz e bem

    ResponderExcluir
  5. Oi Etienne,
    Como a vida nos surpreende, não? Adoro gente com coragem e que dá chance das coisas acontecerem, e que alimentam isso com amor!
    Diz pro teu marido q ele já "ganhou 2 pontos na média" (como diriam os professores) por seguir o que sentia.
    Bjk.

    ResponderExcluir
  6. Que linda história, Etienne!
    A gente faz umas loucuras acreditando no amor e qndo dá certo... é AMOR MESMO! E a gente fica mto feliz, né?
    Beij grande!

    ResponderExcluir
  7. Linda história que a vida continue iluminada para vcs.
    bjs

    Edi

    meuladoarteiro.blogspot.com,br

    ResponderExcluir
  8. Oi menina,
    Adorei a sua história, muito linda mesmo.
    Felicidades.
    Beijos
    Jack
    www.meucantinhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Nossa que história!!

    Já tive amores à distância, é difícil mas, quando o coração quer pra td se dá um jeito.

    Não deu certo pq não tinha que dar, mesmo se fossemos vizinhos não daria.

    Adoro histórias felizes. Beijos!

    ResponderExcluir
  10. ADOREI SUA HISTÓRIA,É A PROVA QUE AMOR A DISTANCIA EXISTE E SE FORTALECE!

    ResponderExcluir